segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Rememorar é fundamental

Para recordar, porque a memória é urgente.
Em Portugal, quando se reconhece razão aos adversários políticos, há a tendência para dizer «este não é dos nossos».
A esquerda precisa de mostrar que é rigorosa com a despesa e as finanças públicas.
 António José Seguro em entrevista a Miguel Carvalho, Visão, 14.07.31 

Sem comentários: