quinta-feira, 24 de julho de 2014

Sabedoria na montra

Na Cultura, as mãos livres são muito importantes. Servem para bater palmas ao candidato a quem, uma vez eleito, se vão estender.
José Diogo Quintela, 2 (Público), 14.07.20
Na entrevista do último domingo ao Púbico, António Costa afirmou que “a vida em sociedade não é simplesmente vivermos lado a lado, uns com os outros; é sim partilhar de valores e os laços sociais que entre nós estabelecemos”.

Claro!
E respeito.
Pelo outro, pelo outro, pelo outro… sem facadas.

Sem comentários: