quarta-feira, 16 de julho de 2014

Olhar literalmente centralista

Só no ano passado tive a perceção de que não conhecia bem a realidade do país. Vários anos sem sair de Lisboa ou a siar só pelo aeroporto dão nisto.
Ana Rosado, Sol, 14.07.11

Realidade de um país centralista?
Ou a confirmação de uma classe que domina sem sair da cadeira do comodismo?
Sim do comodismo.

Sem comentários: