segunda-feira, 12 de maio de 2014

Opaca linguagem ou dificuldade no olhar?

É aqui [Avepark] que o grupo 3 B (biomateriais, biodegradáveis e biomimétricos), um dos melhores centros de investigação da Europa, ajuda a alavancar o perfil tecnológico do Ave, ao lado de mais de 30 empresas, escrevia a jornalista Margarida Cardoso na edição da Revista (Expresso) de 14.05.03, num trabalho sobre a “nova vida do vale do Ave”.

Só em Guimarães é que (alguns) teimam em não querer – ou fazem de conta que são cegos – ver o óbvio.

Sem comentários: