sexta-feira, 2 de maio de 2014

Aposta do silêncio

Temos centros de produção de saber, temos pessoas talentosa, agora é preciso que se transforme esta saber para que se possam criar novas empresas, ou para que façamos acrescentos nos vários setores, principalmente no calçado e nas cutelarias.
Domingos Bragança, presidente de câmara de Guimarães, na sessão de abertura da conferência Building Global Innovators

Sem comentários: